O que é blindagem automotiva?

Garantir a sua segurança e a de seus familiares é sempre o mais importante, principalmente nas grandes cidades. Saiba o que é blindagem automotiva e deixe todos protegidos.

Com a violência que ocorre diariamente no nosso país, é preciso buscar uma solução para que todos os seus entes fiquem sempre em segurança. Uma das opções é utilizar um carro blindado, que com os seus revestimentos de fibras de aramida, chapas de aço e vidros de policarbonato, deixará todos protegidos. Saiba o que é blindagem automotiva e descubra como esses materiais trabalham para garantir a sua segurança a de sua família.

A blindagem automotiva é um sistema de proteção para você e para todas as pessoas que estiverem dentro do carro, contra, praticamente, qualquer ataque vindo de fora do veículo. Essa proteção pode ser colocada em todas as partes do automóvel, para melhor eficiência.

Como funciona a blindagem automotiva

A blindagem funciona como um escudo para o seu veículo. Diversos tipos de materiais balísticos, como chapas de aço e vidros de policarbonato, são utilizados para garantir que esse sistema de proteção funcione corretamente, caso seja necessário. Confira alguns dos materiais usados:

  • Vidros blindados: Os vidros são formados por um material de policarbonato, muito resistente que garante a segurança de todos e evita a produção de estilhaços de vidro. Ele tem a espessura entre 17mm e 21mm, quando o normal de um vidro de carro é de 0,6mm. O material é pensado para se aproximar o máximo possível da aparência de um produto sem blindagem.
  • Aço balístico: Para revestir maçanetas e fechaduras é utilizado o aço balístico. O material ajuda a reforçar toda a estrutura do carro, além de eliminar todos esses pontos desprotegidos.
  • Mantas de aramida: Para proteger as demais áreas do veículo, o material utilizado são as mantas de aramida. É um produto muito versátil e que se adapta muito bem a qualquer veículo, sem interferir na sua aparência original. Dessa forma, ele é bem recortado e encaixado, para que não tenha “buracos”, evitando áreas vulneráveis.

Se você tem o interesse de blindar o seu carro, a dica é usar a blindagem 100% no veículo. Afinal, o objetivo é a proteção e, em uma eventual necessidade, é muito importante que todas as partes, vidros, portas, capô, até mesmo maçanetas e teto solar, estejam bem equipados.

Para que isso ocorra de forma segura e completa, o carro é desmontado completamente, de maneira que cada parte receba a sua atenção especial na proteção. Até por isso, o tempo médio que uma blindadora entrega o seu carro completo varia muito, mas esse serviço deve ser finalizado em, no máximo, 120 dias.

Quando for realizar esse processo, leve em consideração esse prazo, para que você não fique na mão durante o período de blindagem automotiva.

Níveis de blindagem automotiva

Nessa composição da proteção do seu carro, existem seis tipos de blindagem, que são chamados tecnicamente de níveis de blindagem. Eles indicam o nível de proteção do seu carro de acordo com o calibre e o poder de fogo de cada arma.

No Brasil, o nível de blindagem mais utilizado é o III-A, representando cerca de 90% de todos os veículos blindados no país. Esse é o padrão que pode ser utilizado e aplicado em carros de maneiras menos burocráticas, e que oferece a melhor proteção.

A blindagem de nível III-A suporta tiros de qualquer arma de mão, até mesmo das com maior poder de fogo, como uma pistola calibre 9mm ou um revolver .44 Magnum. Dessa forma, ela consegue se sair bem nas mais diversas situações, oferecendo sempre a melhor segurança.

Em relação aos outros níveis de blindagem, a de nível I é uma das mais simples, mas se sai muito bem com armas de fogo de menor poder, como os calibres .22 e .38. Há também os níveis II e II-A, mas que são pouco usadas no país.

Há ainda dois outros níveis, o III e o IV. O Nível III é de uso restrito e só pode ser usado em veículos com autorização do exército brasileiro, pois suporta tiros de fuzis poderosos, como o AR-15 e AK47. Já o Nível IV é proibido para o uso no país, sendo restrito às Forças Armadas, porque é uma blindagem que suporta, inclusive, granadas militares.

Quais carros podem ter blindagem automotiva

A princípio, qualquer veículo pode passar por um processo de blindagem automotiva. Independentemente de ele ser novo ou usado. A única recomendação é que os veículos tenham motores um pouco mais potentes.

Como a blindagem costuma aumentar o peso do veículo, acrescentando cerca de 150kg, modelos 1.0, por exemplo, podem ter forte queda no desempenho. Além disso, peças importantes como suspensão e amortecedor podem se desgastar mais rapidamente.

Como faço para meu carro ter blindagem automotiva

Para conseguir a blindagem do seu carro, é importante buscar algumas solicitações e autorizações com os órgãos responsáveis. Detran, na parte automotiva, e Exército, quem fiscaliza as blindagens no país, devem ser contactados. Confira o passo a passo:

  • O primeiro passo é pedir autorização para o Detran do seu estado. Cada local tem suas normas, por isso, entre no site ou ligue para se informar no órgão.
  • Com essa autorização do Detran, chegou a hora de buscar o Certificado de Registro do Exército Brasileiro. O CR é obrigatório para todos os veículos desde 2017, tendo validade de três anos
  • Procure uma blindadora confiável e com registro no exército. Na hora de entregar o seu veículo, a empresa deve fornecer o termo de responsabilidade, que apresenta e descreve os materiais usados, o nível de resistência da blindagem e a validade dos produtos.
  • Depois de tudo isso, é preciso obter a Declaração de Blindagem do Exército. Seu veículo passará por uma vistoria.
  • Agora, é só solicitar ao Detran do seu estado um novo documento do veículo (CRLV), que agora deve contar a informação de veículo blindado.

Agora que você já sabe o que é blindagem automotiva e como funciona, chegou a hora de buscar a proteção que seu veículo e a sua família merecem.